NÃO HÁ RAZÕES PARA O PERDÃO



Diante de um mundo cruel e agressivo, precisamos desenvolver mecanismos de defesa para sobreviver. Podemos pensar nessas defesas como as couraças que usamos, para que as flechas dos relacionamentos não nos tragam mais sofrimentos. Existem diferentes tipos de couraças, umas mais fortes, outras mais frágeis, algumas grossas, impermeáveis e pesadas, outras duríssimas e inflexíveis.


Às vezes, usamos várias couraças. Porém, além das defesas que são saudáveis, também existem as que nos aprisionam. Para exercitarmos o perdão, precisamos primeiro selecionar o que deve permanecer e o que deve ser lançado fora, por sobrecarregar sua vida.


Sempre que pensamos no exercício do perdão, temos a sensação de que ele nos levará a um despojamento, que nos tornará frágeis e vulneráveis, e que a nossa vida será pautada pelo sofrimento. Entretanto, como filhos de Deus, sabemos que Deus é amor e Seus mandamentos não são pesados. Pelo contrário, “este é o amor de Deus: que guardemos os seus mandamentos; ora, os seus mandamentos não são penosos” (1João 5:3).


Então, por que resistimos ao perdão? Há pelo menos cinco razões básicas que nos instigam a essa resistência. A primeira é porque pensamos que, se perdoarmos, seremos manipulados pelo ofensor e viraremos um “saco de pancada”. Mas, o perdão não implica abrir mão das nossas defesas e dignidade. A segunda é porque pensamos que, se escolhermos o caminho do perdão, iremos desistir da justiça. Isso não é verdade, pois, quando você escolhe perdoar, você não está perdendo o senso de justiça.


A terceira é porque achamos que perdoar significa abrir mão do nosso senso de amor próprio, mas isso não é realidade. A quarta razão é porque somos naturalmente egoístas. Há uma resistência natural em nós, para liberarmos o perdão e essa resistência precisa ser vencida. Devemos abrir mão do egoísmo e do amor próprio, para que possamos obedecer a Deus e liberar o perdão. A quinta razão é porque achamos que perdoar significa não colocar limites. Contudo, o perdão não anula a responsabilidade da pessoa perdoada em relação aos seus atos (leia em Gálatas 6:7). Não há razões para não perdoar.


Devemos exercitar o perdão, não porque o ofensor merece ou porque nós queremos, mas porque o perdão é um mandamento divino. Será que Deus, o nosso Criador, não merece nossa obediência? Logo, não há razões para o perdão. Nós exercitamos o perdão simplesmente porque ele é um mandamento divino e, todo mandamento divino deve ser praticado.




📺 Para ver e ouvir essa mensagem, acesse: https://youtu.be/YaI_9xi5tqI



19 de Maio.



Faça essa Oração

"Amargura"

Amado Pai Celestial, em nome do Senhor Jesus Cristo, venho diante da Tua presença para confessar e rejeitar o espírito da ira, do ódio e da amargura e todos os seus comandados, porque está escrito: “Ele nos tirou da potestade do reino das trevas e nos transportou para o reino do Seu amor” (Cl 1:13).

Pertenço ao Senhor, ao reino do amor e não ao reino das trevas. Rejeito todo espírito de rejeição e rebelião e todos os seus comandados, meu corpo é templo do Espírito Santo, separado para o uso de Deus, outrora estava morto em meus pecados, mas agora Jesus me vivificou, juntamente com Ele e perdoou todas as minhas aflições e ofensas e riscou a cédula que era contra mim cravando-a na cruz. Por isso, declaro que sou livre, porque Jesus me libertou.


Eu escolho perdoar a todos os meus ofensores, pois a vingança pertence ao Senhor. Peço a ti ó Deus, em nome do Senhor Jesus, que liberes uma porção maior de graça a fim de que o Espírito seja liberado para restaurar o meu coração e que a vida de Deus volte a fluir em mim. Escolho tomar posição contra o pecado de justiça própria, pois está escrito: “A ninguém fareis mal por mal, abençoai os que vos perseguem e não amaldiçoeis” (Romanos 12:14,17).


Senhor, libera o Teu amor e a Tua paz sobre a minha vida, purifica-me com o Teu sangue. Quebro agora qualquer maldição lançada sobre a minha vida, a minha família ou sobre pessoas que eu mesmo proferi maldições. Escolho entregar essas pessoas ao Senhor e abençoá-las com a salvação e a restauração, pois está escrito: “Não te deixes vencer do mal, mas vence o mal com o bem” (Romanos 12:21).

Escolho não questionar o agir de Deus em mim, escolho aceitar toda atual situação como o trabalhar de Deus em minha vida, a fim de completar a Tua obra de restauração em minha vida, pois está escrito: “Todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus e são chamados pelo seu decreto” (Romanos 8:28).


Senhor, preenche todos os espaços vazios em minha vida com uma porção maior do Teu Espírito. Agradeço-Te pelo Teu amor, misericórdia e perdão. Toma totalmente o controle da minha vida em nome do Senhor Jesus. Amém.


Abra sua Bíblia e leia os textos em Colossenses 2:13-14, Romanos 12:19.


* Canal Orações - Pão de Judá

http://www.paodejuda.com.br/oracoes.html#


O aplicativo da sua alimentação espiritual!

Android: https://goo.gl/vBVeQa

iOS: https://goo.gl/vSp5Sw



TV Menorah por assinatura

Recomendamos para você:


A arte do perdão

Um dos maiores desafios das pessoas é o ato de pedir o perdão e o liberar perdão. Essa maravilhosa realidade bíblica ainda está obscura em nossos corações. A amargura, ira e a depressão, são consequências da falida reação humana diante das ofensas e dificuldades. Hebreus 12: 14-15; Mateus 18:21-22


Perdão depois cura

O vídeo fala sobre o texto bíblico de Marcos 2:1-7, sobre a cura de um paralítico em Cafarnaum.









Como limpar o coração

 Para sermos curados pelo Senhor precisamos ter o coração limpo pelo perdão. Mateus 6:14-15 revela esta verdade a nós.










TV Menorah por assinatura

12 canais + 2 canais de áudio + de 3000 mensagens da Palavra de Deus exclusivas a respeito do conteúdo específico do canal.


www.tvmenorah.com.br

Levando vida para você!




Editora Vento Sul - Dica de nutrição



O Dano da Amargura

A Bíblia alerta: "atentando, diligentemente, porque ninguém seja faltoso, separando-se da graça de Deus; nem haja algumaraiz de amargura que, brotando, vos perturbe, e, por meio dela, muitos sejam contaminados" (Hebreus 12:15).Você tem este cuidado? Hoje, você está suprido pela graça de Deus ou perturbado pelas amarguras que brotam em seucoração? Este livro mostra o dano que a amargura causa em nossa vida. Um dos maiores desafios do homem é vencer a amargura. Descubra como livrar-se deste mal!




Adquira a dica de nutrição em:

www.editoraventosul.com.br

O melhor de Deus para você!

EBooks | Livros | Cds | Dvds | Downloads

356 visualizações
O canal para a sua edificação espiritual
"Acesse, assista e cresça em vida!"
  • Black Facebook Icon
  • Black YouTube Icon