OS TIPOS DE PERDÃO



Uma das excelentes qualidades, que engrandece e enobrece uma pessoa é a capacidade de perdoar. Esse atributo é um dos mais difíceis para desenvolver-se. De fato, em vez de perdoar plenamente a alguém, a maioria das pessoas opta por um perdão condicional: “perdoo a você se...; perdoo a você logo que...; se você voltar e acertar tudo, eu perdoo-lhe; se você admitir seus erros, então lhe perdoo”. Esse é o perdão condicional. É como se você fosse um tigre que observa e aguarda a presa; dependendo do que ela fizer, você determinará se irá recuar ou atacar.


Outro tipo de perdão é o perdão parcial. Esse perdão é concedido, quando você perdoa, mas deixa bem claro para o ofensor que não espere que você esqueça o que ocorreu ou que você lhe vai perdoar pela última vez; ou ainda que você lhe perdoa, mas não o quer mais ver. Esse é o perdão parcial.


Ainda há um terceiro tipo de perdão, o perdão adiado que você diz que vai perdoar, mas que precisa de um tempo, que algum dia irá perdoar. A maioria das pessoas prefere sentar no banco dos réus a sentar no banco da misericórdia. Se alguém nos feriu ou prejudicou-nos, preferimos ver o ofensor retorcendo-se de dor a vê-lo sorrindo. As pessoas sentem muito prazer na vingança, e isso é muito diabólico.


O perdão não se aplica só à outra pessoa, mas também a nós. Quando não perdoamos, os primeiros a serem danificados somos nós mesmos, depois será o ofensor e depois ainda, os que nos cercam. Quando não perdoamos os ofensores, a ira e o ódio alojam-se em nosso coração e ali ficam congelados. Isso produz rancor, amargura, sede de vingança, de agressão e ofensa. Uma pessoa rancorosa e amarga fica impossibilitada de se relacionar e terá sérias dificuldades de manter e desenvolver novos relacionamentos sadios.


A única coisa disponível ao ser humano para eliminar o ódio, a ira e o rancor do coração é o perdão. Precisamos escolher perdoar e essa é uma decisão de obediência ao conselho divino. Somente assim é que poderemos nos livrar do rancor e receber a cura para as nossas emoções. Se você diz que é filho de Deus, você deve ter a natureza de Deus. Em 1João 4, é afirmado que a natureza de Deus é amor. Amor é perdão, pois a salvação que recebemos de Deus é fruto do amor de Deus, que é o perdão.


Ninguém será salvo sem primeiro receber o perdão divino. Portanto, não espere mais! Escolha perdoar os seus ofensores. Exercite o perdão de Deus, que é incondicional, total e imediato.


22 de Janeiro.

TV Menorah por assinatura

Recomendamos para você:


Como limpar o coração

 Para sermos curados pelo Senhor precisamos ter o coração limpo pelo perdão. Mateus 6:14-15 revela esta verdade a nós.







As 4 faces do perdão

O perdão é algo grandioso, desde o primeiro momento que entramos na vida da Igreja já temos experiência com ele, pois fomos perdoados por Deus. Veja como se dá o perdão em nossas vidas. 1 João 2:8-9, Salmos 66:18.


Revista-se da paz

O vídeo fala sobre Hebreus 12:14-15, lembrando-nos da realidade do perdão e dá paz que ele traz.









TV Menorah por assinatura

12 canais + 2 canais de áudio + de 3000 mensagens da Palavra de Deus exclusivas a respeito do conteúdo específico do canal.


www.tvmenorah.com.br

Levando vida para você!

640 visualizações
O canal para a sua edificação espiritual
"Acesse, assista e cresça em vida!"
  • Black Facebook Icon
  • Black YouTube Icon